13.4.06

Eu ando pelo mundo sem direção

Depois de quase comer o bichinho da goiaba e ficar olhando aquele vai-e-vem frenético do corpinho dele, quase tive um treco. Parecia criança com lágrima no olho e desespero cardíaco.
Tão igual como terça agora, quando vi Zélinha entrar em cena e ser espetacular. Voz, violão, percussão, presença.

Tem coisas que simplesmente são demais.

6 comentários:

tha disse...

e são essas coisas e momentos que sempre fazem a diferença...!
bjos menina!

c o t z disse...

As vezes o susto é bacana :) Faz a gente sentir que está vivo e atento as pequenas coisas

Saudadeeeees....ah chega vou parar de falar.
Quero ação agora hahaha Fim de semana + feriado hein? Não suma!
:*

Fabixu disse...

E ney? Disgusting! =)
E pensar que eu comi essa goiaba tb =X

gai disse...

jesuis! que disgusting!
desnecessaire total hein?
ainda bem q eu não como goiaba...

Mo disse...

uhauahuahuaha
que descrição foi essa...

pri disse...

Não gosto de goiaba....
mas adoro voz e violão...

sauda...bju